Loading
Brasileiro tem apagão na TV mesmo após acordo do Palmeiras com Globo
FOLHA DE S.PAULO - Esporte
Thu, 23 May 2019 20:49

Brasileiro tem apagão na TV mesmo após acordo do Palmeiras com Globo

FOLHA DE S.PAULO - Esporte
Thu, 23 May 2019 20:49

O acordo entre Palmeiras e Globo para as transmissões em TV aberta dos jogos do time no Campeonato Brasileiro garantiu que todos os jogos do clube serão transmitidos, mas ainda não impede o apagão de algumas partidas do torneio.

Brasileiro tem apagão na TV mesmo após acordo do Palmeiras com Globo


Isso porque o Athletico-PR é o único entre os participantes da Série A que não fechou com a emissora os direitos de pay-per-view. O acordo entre as partes vale somente para os jogos na TV aberta.
O clube do Paraná e a Globo seguem negociando para incluir a equipe na grade de TV aberta da emissora até o fim do Brasileiro. O acordo entre eles fecharia o último buraco de transmissões da competição.

Por enquanto, segundo o calendário previsto pela CBF (Confederação Brasileira de Futebol), o confronto entre Goiás e Athletico-PR, válido pela 9ª rodada do Brasileiro, não terá transmissão. O duelo em Goiânia está marcado para as 20h de uma quinta-feira, horário em que a Globo não faz transmissão na TV aberta. 

A CBF ainda não anunciou datas e horários da competição a partir da 10ª rodada. Ou seja, caso o acordo não seja firmado, há a possibilidade de mais jogos envolvendo os rubro-negros sumirem da televisão.

A Lei Pelé determina que, para que haja transmissão do jogo por qualquer emissora, os dois clubes envolvidos devem estar de acordo.

É o caso, por exemplo, de Palmeiras x Athletico-PR, que se enfrentam pela 8ª rodada no próximo dia 8, um sábado, no Allianz Parque. Ambos fecharam contrato com a Turner, que transmite as partidas das equipes no TNT, canal de TV fechada.
O time alviverde foi um dos sete que estão na Série A do Brasileiro a fecharem contrato com a Turner. Os outros foram Bahia, Athletico-PR, Ceará, Fortaleza, Internacional e Santos.

A Globo alegou que a decisão desses clubes de não fechar com o SporTV prejudicava a capacidade da emissora de distribuir os jogos na tabela para diferentes plataformas de transmissão.

Por causa disso, propôs um redutor de até 20% no valor de TV aberta a ser pago a quem fechou com a Turner. Palmeiras e Athletico-PR se rebelaram contra a proposta. A equipe paranaense enfim a aceitou em abril. O Palmeiras, não.

Foi feita a mesma proposta do pay-per-view, e o redutor chegava a 21%. Após o acordo com o Palmeiras, o Athletico-PR passa a ser o único sem contrato com a Globo para essa plataforma.

Até aqui, o Campeonato Brasileiro ficou sem transmissão de três jogos: CSA 1 x 1 Palmeiras, na 2ª rodada, Chapecoense 1 x 1 Athletico-PR, pela 3ª rodada, e Atlético-MG 0 x 2 Palmeiras, na 4ª rodada. ​