Loading
Os perigos do Luxemburgo, a chamada de Lage e a galáxia de CR7: Fernando Santos na 1.ª pessoa
Record
Thu, 10 Oct 2019 13:28

Os perigos do Luxemburgo, a chamada de Lage e a galáxia de CR7: Fernando Santos na 1.ª pessoa

Record
Thu, 10 Oct 2019 13:28

Fernando Santos alertou esta quinta-feira para as cautelas que será preciso ter frente à seleção do Luxemburgo, amanhã, em Alvalade.

Os perigos do Luxemburgo, a chamada de Lage e a galáxia de CR7: Fernando Santos na 1.ª pessoa
O treinador, que hoje celebra 65 anos, não quer a equipa a pensar que tudo vai ser fácil. Na conferência de imprensa de antevisão da partida, o técnico falou ainda da ausência de William Carvalho, do telefonema que recebeu de Bruno Lage por causa de Rafa e do brilhantismo de Cristiano Ronaldo.

Mensagem para os adeptos"Felizmente vamos ter o est√°dio cheio; como sempre √© um orgulho para n√≥s ter um p√ļblico que apoia e que est√° em sintonia com a Sele√ß√£o Nacional. O 12¬ļ jogador √© o publico, o apoio, o estar l√° √© fundamental para n√≥s. Nem me atrevo a fazer um apelo, tenho a certeza que v√£o dar-nos toda a sua for√ßa."

Relacionadas

Aus√™ncia de William Carvalho"O William Carvalho est√° ausente e a partir da√≠ √© ponto final. O que interessa s√£o os que est√£o dispon√≠veis, vai chegar outro [Andr√© Gomes] que podia tamb√©m estar convocado. Seguramente estes jogadores v√£o dar uma resposta √† altura."Conversa com Bruno Lage a prop√≥sito de Rafa"Quem me falou comigo foi o Bruno Lage, ele teve essa aten√ß√£o, telefonou-me. Assunto encerrado. Aqui quem decide tudo √© a unidade de sa√ļde da FPF. S√≥ tomo as decis√Ķes com base no que eles me dizem e mais nada."Sele√ß√£o do Luxemburgo"Se olharmos para os resultados, os dois jogos que fizeram com a Ucr√Ęnia, num perderam¬†por 2-1 com autogolo, depois de terem tido oportunidades e at√© podiam ter ganho. Foi injusto para o Luxemburgo e isso mostra o valor desta equipa. Depois o outro jogo, que os meus jogadores j√° visionaram, o resultado foi 1-0, com um golo anulado ao Luxemburgo. √Č uma equipa muito organizada, sai em posse, n√£o tem nada a ver com outros advers√°rios que defront√°mos. Procura sair a jogar, sem receio¬†de abordar o jogo e que criou com a S√©rvia situa√ß√Ķes de golo, apesar de ter perdido por 3-1. √Č muito rigorosa nas suas a√ß√Ķes defensivas. Tem um¬†selecionador √† frente da equipa¬†h√° 9 anos, boas sele√ß√Ķes jovens... S√≥ 2 ou 3 jogadores desta equipa jogam no Luxemburgo, os outros est√£o na Alemanha, na R√ļssia. Basta estar atento e tentar escalpelizar os resultados. Se olharmos s√≥ para o nome e para o ranking √© diferente. Seguramente Portugal √© melhor, tenho a certeza que a minha equipa √© superior. Se construirmos em termos de jogo que devemos fazer, se estivermos ao nosso n√≠vel, com maior ou menor dificuldade Portugal acabar√° por vencer."Pouco tempo para trabalhar/regresso de Pepe"As vezes em que ele n√£o esteve Portugal venceu. Mas isso [golos de bola parada] s√£o fatores do jogo que t√™m de ser corrigidos e √© isso que procuramos fazer. S√≥ trein√°mos ontem... Procuro corrigir muito pela conversa, logo √† tarde vou falar com eles. O que esteve menos bem em termos defensivos n√£o teve a ver com golos de bola parada. O que esteve mal foi a 1¬™ parte no jogo com a¬† Litu√Ęnia. Com a S√©rvia o resultado foi brilhante. Na 1¬™ parte do jogo com a Litu√Ęnia, apesar de sermos melhores, coletivamente eles estiveram melhor, correram mais, foram mais agressivos, foram compactos. Se n√£o igualarmos esses n√≠veis, a criatividade por si s√≥ depois n√£o chega."O que muda n√£o ter William Carvalho"Em termos de filosofia n√£o muda nada. Portugal √© uma equipa que quer ser dominadora do jogo; em posse criar din√Ęmicas para criar oportunidades de golo e quando a perde a bola rapidamente recuper√°-la, para que o advers√°rio n√£o acredite que nos pode criar problemas. Se n√£o formos agressivos, no bom sentido, na recupera√ß√£o da bola, v√£o-nos obrigar a correr atr√°s dela."¬†Valia de Cristiano Ronaldo¬†"Acho que n√£o h√° dados compar√°veis em rela√ß√£o aos jogadores. Ontem um amigo meu pediu-lhe uma assinatura e perguntou-lhe de onde √©s? Ele respondeu da Madeira. O meu amigo disse n√£o, √©s de outra gal√°xia. Ele √©, de facto, de outra gal√°xia."